2 votações, vitória do ambiente: o plenário do Parlamento Europeu

2 votações, vitória do ambiente: o plenário do Parlamento Europeu

Numa só tarde, 2 votações importantes para o futuro da União e para o futuro do Planeta. Vamos olhar para elas:

Banidos plásticos descartáveis na União Europeia a partir de 2021

560 votos a favor, 35 contra, 28 abstenções

A partir de 2021, não há mais:

  • Talheres descartáveis
  • Pratos descartáveis
  • Palhinhas descartáveis
  • Cotonetes descartáveis
  • entre muitos outros items

Para além disto, os Estados-Membros comprometem-se a 90% de recolha de garrafas de plástico até 2029, e o plástico das garrafas tem de ser reciclado (25% em 2025, 30% em 2030)

Outro aspeto importante que também foi aprovado hoje é a responsabilização dos produtores pelos recursos gastos nos seus produtos e pela reutilização/reciclagem dos mesmos.

Finalmente, serão estipuladas regras para rotulagem dos produtos que sensibilizem para os danos ambientais de os descartar de forma incorreta (para o chão, nomeadamente).

A proposta da Comissão, que deu origem a estas regras, escolheu estas medidas porque cobrem 70% do lixo que se pode encontrar, hoje em dia, nos mares do planeta.

 

Reduzidos os limites nas emissões de gases com efeito de estufa de carros e carrinhas

521 votos a favor, 35 contra, 28 abstenções (ainda precisa de aprovação final no Conselho, mas é expectável que passe)

Em 2030 os carros a circular na União Europeia terão um limite para as emissões que é 37,5% inferior ao atual, e para as carrinhas a redução será de 31%.

O transporte rodoviário é atualmente responsável por 20% das emissões de gases na UE.

Leave a Reply

Your email address will not be published.